O que é essencial para uma peregrinação?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Quando falamos em peregrinar, logo pensamos em toda a jornada. Afinal, caminhar longas distâncias não é lá tarefa muito fácil… Desde 2014 tenho o hábito de fazer algumas peregrinações anuais. E embora já tenha repetido algumas rotas de peregrinação no Brasil, cada um desses retornos me ensinou algo diferente.

Inclusive, neste momento me preparo para a próxima peregrinação pelo Projeto Caminhos Peregrinos para a Ilha de Shikoku, no Japão. A ansiedade bate forte, é claro, mas planejar uma peregrinação é algo satisfatório de se fazer.

Aqui começa a sua jornada. Esses são os seus primeiros passos para a peregrinação que está prestes a começar. Reuni dicas que podem ajudar muito nesse processo que antecede a viagem e espero poder contribuir positivamente nessa caminhada. Vamos lá?

Planeje a rota

Por mais que o caminho já esteja traçado, é importante você estudar e pesquisar sobre a rota para fazer o seu planejamento. Saber previamente onde estão os pontos de apoio, quantos quilômetros caminhar por dia ou etapa, pesquisar restaurantes, hotéis e etc.

É importante mapear e planejar a peregrinação dessa forma para que você se prepare física e mentalmente. Assim, saberá desde o início como será (teoricamente) a sua jornada dia por dia.

Faça um planejamento financeiro

Por mais simples que pareça uma caminhada, durante uma peregrinação você terá sim alguns gastos. Hotéis, restaurantes, lanchonetes e até mesmo as lembrancinhas acabam entrando nesse orçamento.

É claro, não é possível carregar muitas coisas, mas você vai se encantar com algo no caminho e alguma coisinha vai querer guardar com você ou levar para alguém importante. 

Peregrinaçao-Caminhos-caravaggio-01

Veja quantas noites você passará em hotéis e pousadas, inclua os almoços, as pequenezas, como os lanches que pode encontrar pelo caminho ou até mesmo água e leve algum dinheiro a mais para imprevistos. 

Faça a reserva em hotéis e pousadas

E já que falamos em hotéis, é importantíssimo lembrar: faça previamente suas reservas. Enquanto estiver estudando e planejando a rota de peregrinação, veja quais hotéis e pousadas estão dentro da rota e já deixe o seu quarto reservado.

Isso porque, além de ter a certeza de saber o ponto de descanso, você não corre o risco de chegar a uma pousada e descobrir de última hora que não há vagas e ter que caminhar mais 20 quilômetros.

Treine bastante

Parece bobagem, mas treinar é sim essencial para uma peregrinação. Esse treinamento físico prepara o corpo para a longa jornada e pode contribuir muito para a diminuição das dores das primeiras etapas.

Além disso, é treinando com a mochila e calçado que você verá de forma clara, na prática, o que está funcionando ou não. Destaco aqui ainda a importância de treinar com o mesmo sapato que você usará na peregrinação. Isso fará toda a diferença!

O que levar para a peregrinação na mochila?

Essa é uma das dúvidas mais comuns, principalmente dos iniciantes. Então, listei aqui o que deve ter na sua mochila:

  • Kit farmácia (Hipoglós, Vaselina, agulha, linha, Nebacetin, Band Aid, esparadrapo, remédio para dor muscular, anti-alérgico, protetor solar e repelente);
  • Saco de dormir;
  • Meias;
  • Roupas íntimas;
  • Capa de chuva;
  • Roupas leves (como camisetas dry cool e bermudas)
  • Agasalho;
  • Chapéu/boné;
  • Carregador de celular.

Peregrinação-Caminhos-de-São-Tiago-02

No mais, prepare-se para viver algo sem igual. A peregrinação te transforma e te ensina de uma forma diferente. Entregue-se de corpo e mente e sinta a renovação tomar conta de todo o seu ser!

Posts Relacionados