Caminho de Finisterra de bicicleta

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Caminho de Finisterra.

Finisterra ou Fisterra é uma palavra derivada da palavra latina Finisterrae, que significa “fim do mundo”. Isso se deve ao motivo que os ocidentais acreditavam que ali era o fim das terras habitáveis antes da América ser descoberta, por Cristóvão Colombo.

O cabo Finisterra faz parte de um outro itinerário de peregrinação para quem não deseja parar em Santiago de Compostela simplesmente. Já no Códice Calixtino, Finisterra aparece como parte do circuito europeu de peregrinação. Em Finisterra ocorriam os ritos pagãos no século 12.

caminho de finisterra
Cabo de Finisterra – Caminho de Finisterra

Curiosidades do Caminho de Finisterra:

Existem algumas versões sobre o traslado do corpo de Santiago mas o Códice Calixtino apresenta a versão de que os discípulos de Santiago, por superarem vários obstáculos, foram agraciados com três milagres:

1 – O primeiro nas terras do rei de Dugium (cidade desaparecida onde hoje é a atual Finisterra). Ao fugirem de uma emboscada, os discípulos passaram por uma ponte que foi logo destruída matando todos que os perseguiam.

2 – O segundo ocorreu nas terras de Lupa (dona das terras onde seria enterrado o corpo do apóstolo Tiago, pagã e que se converteu ao cristianismo). Quando eles sairam para buscar bois para ajudar na construção do sepulcro, um enorme dragão apareceu sendo derrotado pelos discípulos após fazerem a defesa da cruz.

3 – Os bois que ajudariam na construção a princípio eram perigosos e selvagens mas com a aproximação dos discípulos ficaram dóceis.

Nosso itinerário:

Saímos bem cedo do hotel em Santiago em sentido a Olveiroa, que seria nossa parada. Na praça do Obradoiro há uma concha que significa o marco zero e ponto de partida para a nova jornada. Observamos no dia anterior e não foi necessário seguir este ritual. Dividimos em duas etapas nossa ida a Finisterra: a primeira chegando a Olveiroa e na segunda, dividimos nossa turma em duas. Saimos, eu e o Rafael, para Muxia e depois seguimos para Finisterra, enquanto os outros preferiram ir diretamente à Finisterra.

Minha programação ficou assim:

Etapa 1 – Santiago de Compostela – Olveiroa

Etapa 2 – Olveroa – Muxia – Finisterra

Etapa 1 :

caminho de finisterra
Pelo lindo Caminho – Caminho de Finisterra

As setas amarelas continuam a nos dar as indicações de que estamos no caminho correto. Sempre elas!

Saimos e logo após uns 4 quilometros já chegamos em Sarela de Abaixo e Moas de abaixo passando pela ponte do Rio Sarela.

caminho de finisterra
Pelo lindo Caminho – Caminho de Finisterra

Seguindo para Carballal, um quilômetro após Moas, passamos por um grande arco e depois cruzamos o rio Roxos.

Em Aquapesada, há uma ponte medieval e começa um trecho de maiores subidas.

Depois de aproximadamente 19 quilômetros chegamos em Ponte Macieira onde a arquitetura barroca se faz presente na Iglesia de Transmonte e uma bela ponte sobre o rio Tambre é a ponte mais representativa deste caminho. Linda por sinal!

Antes de chegarmos em Negreira ainda passamos por Barca. Negreira é uma cidade medieval e lá não deixe de ver o Paço do Cotón, que é uma fortaleza medieval restaurada no século XVII. Atualmente estão muito bem cuidados. Veja também a Iglesia de Santa Maria der Portor.

caminho de finisterra
Negreira – Paço do Cotón – Caminho de Finisterra
caminho de finisterra
Entrada de Negreira – Caminho de Finisterra

Saíndo de Negreira, passamos por um caminho bem interessante e belo. Passamos por Zás, Camino Real, Rapota, Piaxe, Vilacerio, Castro, Santa Mariña das Maroñas, Ponte Olveira até chegar  em Olveiroa.

Durminos em Olveiroa no Casa Loncho. Não tinha vagas no albergue Municipal mas adoramos o local. Foi bacana ficar no restaurante e confraternizando com muitos peregrinos que estavam ali. Recomendo e pagamos 12 euros.

Etapa 2

Na noite anterior fiquei pensativo querendo conhecer também a cidade de Muxia. Para isso teria que sair muito cedo e seguir pela carretera para perder menos tempo e ainda chegar em Finisterra com tempo de conhecê-la.

Resolvido. Sairia para Muxia muito cedo e o Rafa resolveu ir comigo.

caminho de finisterra
Um belo amanhecer no que seria o último dia de pedal – Caminho de Finisterra

Acordamos antes das seis da manhã (lembre-se que no caminho dificilmente acordamos nesse horário) e pouco depois já estávamos na estrada, escura e com muita neblina. Foi sensacional ver o nascer do sol acompanhando dos moinhos de vento.

Quando já passamos pela aldeia de Hospital, encontramos duas alternativas:

1 – seguir pela esquerda para ir para o Cabo de Finisterra

2 – seguir em frente até Muxia.

Escolhemos a segunda.

Seguimos e passamos pela simpática cidade de Dumbria. Daí pra frente seguimos voando pela carretera e não paramos em local nenhum mais. Nosso objetivo era chegar em Muxia o quanto antes.

caminho de finisterra
Dumbria – Caminho de Finisterra

Pedalamos por aproximadamente uma hora em ritmo rápido e já chegamos em Muxia. Escolha acertada! Sensacional. Sendo sincero, preferi a cidade de Muxia do que Finisterra. achei mais atraente em todos aspectos.

Chegamos em Muxia e já paramos no cais onde apreciamos a maravilhosa vista e a manhã naquele ponto da cidade.

caminho de finisterra
Chegada em Muxia – Caminho de Finisterra
caminho de finisterra
Muxia – Caminho de Finisterra

Muxia é um grande celeiro em histórias, recursos naturais, gastronomia, patrimônio históricos e artesanato. Seguimos ao Santuário! Simplesmente maravilhoso. A beleza do lugar impressiona e não queria mais sair dali. Esplêndido seria a palavra e minha decisão de conhece-la, totalmente acertada.

caminho de finisterra
Muxia – Caminho de Finisterra
caminho de finisterra
Muxia – Caminho de Finisterra
caminho de finisterra
Muxia – Caminho de Finisterra

Você poderá ver os restos arqueológicos  de 6 mil anos . A medida que você descer o caminho de pedra você erá o Santuário de Nuestra Señora de la Barca do seculo 17.  Em Muxia também é possível adquirir seu certificado. Desta vez não solicitamos somente as fotos, lindas fotos comprovam nossa passagem por Muxia. Mais que recomendo!

Saímos de Muxia depois de quase abandonar a ida a Finisterra por causa da beleza do lugar. Mas nosso itinerário era finalizar em Finisterra e nossos outros amigos estavam lá (ou ainda chegariam lá).

Pegamos nossas bicicletas e fomos pela costa. Um caminho que liga as duas cidades diferente do caminho tradicional. Lindo por sinal e com algumas subidas e descidas mais acentuadas. Como estávamos apressados,essa parte nos rendeu um desgaste mais acentuado.

caminho de finisterra
Saída para Finisterra – Caminho de Finisterra

Finisterra também é uma agradável cidade e mesmo tendo preferido Muxia, achei uma interessante cidade para se passar uma noite. Não foi nosso caso! Umas ruas gostosas e alguns restaurantes que chamam nossa atenção. Em Finisterra, a primeira ação que sugiro ser feita é conhecer o farol. São aproximadamente 4 quilômetros e subida mediana. Uma paisagem deslumbrante!

caminho de finisterra
Marco Zero – Finisterra – Caminho de Finisterra
caminho de finisterra
Farol de Finisterra – Caminho de Finisterra
caminho de finisterra
Últimos momentos da aventura – Caminho de Finisterra
caminho de finisterra
Bela vista em Finisterra e um peregrino solitário – Caminho de Finisterra

Descendo na cruz podemos observamos várias marcas de roupas queimadas. Tradição entre os peregrinos; queimar suas roupas após a peregrinação. Também não fizemos este ritual.

O retorno para Santiago é bem simples e as bicicletas são transportadas pelos ônibus locais. Você pode despachá-la diretamente para Madri se for o caso, ou então voltar para Santiago nesses ônibus e de lá despachá-la par aonde for seu itinerário.

Horários de ônibus:

Santiago – Muxia                                            Muxia – Santiago

Segunda – Sexta : saídas – 08:45; 16:45           Segunda – Sexta: saídas – 06:45; 14:30

Sábados: saídas – 09:45;  16:45                         Sábados – saídas – 07:30; 14:30

Domingos: saídas – 09:45; 18:45                       Domingos – saídas – 07:30; 18:45

Santiago – Finisterra                                    

Segunda – Sexta : saídas – 09:00; 10:00; 13:00; 14:30 e 19:00

Sábados: saídas – 09:00; 10:00; 12:00; 15:20 e 18:45

Domingos: saídas – 09:00; 10:00; 12:00 e 18:15

Finisterra – Santiago

Segunda – Sexta : saídas – 08:20; 09:45; 11:45; 15:00; 16:45 e 19:00

Sábados: saídas – 09:45; 11:45; 15:00; 16:45 e 19:00

Domingos: saídas – 09:45; 11:45; 16:45 e 19:00

De qualquer forma é sempre bom checar se houve alteração. Horários para o final de 2014.

Veja o vídeo da etapa Finisterra:

Veja muito mais fotos do Caminho de Finisterra:

Reserve seu hotel com a gente, vai!

Nosso blog tem parceria com a Booking.com. Uma reserva através do blog ajuda a mantê-lo pois ganhamos uma pequena comissão. O preço NÃO altera em absolutamente nada e você pode contar com a qualidade Booking.com em suas reservas. Com cancelamento GRÁTIS! É muito simples e seguro.

Clique em :

Booking.com – Hoteis em Finisterra  pela Booking.com

Booking.com – Hotéis em qualquer lugar do Mundo

Venha pra nossa Rede:

Facebook   Google+   Instagram     Pinterest   Twitter

Veja tudo sobre o Caminho de Santiago:

Caminho-01
Clique e veja nossos posts
Caminho-02
Clique e veja nossos posts
Caminho-03
Clique e veja nossos posts

Posts Relacionados